Cantinho da Daya: Gente que Vai e Volta





Oi, pessoal!

Hoje vou trazer a resenha do filme Gente que Vai e Volta, baseado no livro da autora Laura Norton. 

Vamos conhecer Bea, uma brilhante arquiteta que está bem no trabalho, conquistando novos projetos e morando com o namorado, por quem é apaixonada. 

Depois de uma conquista no trabalho, a equipe sai para comemorar e algo acontece, desmoronando tudo na vida da Bea. Ela perde, ao mesmo tempo, o emprego e o namorado dos sonhos. 

Vendo-se perdida, ela decide voltar para a casa da família, em uma cidade pequena, e reavaliar a sua vida, então percebe como deixou de viver com felicidade, valorizando as pequenas coisas e sem um propósito para o seu futuro.

Quando Bea retorna para sua cidade natal, é recebida com carinho pela família, sentindo-se acolhida, amada e percebendo que, mesmo indo morar longe deles, ainda é uma pessoa importante para todos. Bea tem mais três irmãos, sendo a mais velha a atual prefeita da cidade.

A outra irmã, em sua despedida de solteira,  envolve-se com um anão e sofreu com essa consequência. O único irmão, é um homossexual divertido. A matriarca da família tem um dom, ela descobre o que a pessoa tem só tocando; em troca do serviço, recebe comida.

O filme é um clichê, com momentos previsíveis, cenas que transcorrem com naturalidade e, mesmo assim, não são cansativas. Também nos mostra a importância de viver o hoje, saber se relacionar bem com as pessoas e não deixar de amar a família e os amigos.

Nascida em 1982, baiana. Bacharel em Administração, trabalha na área financeira de projetos. É apaixonada por romance e suspense.

Nenhum comentário