Cantinho da Daya: Série Titãs - 1ª temporada



Oi, pessoal!

Comecei a série por indicação de minha sobrinha, com apenas 10 anos, e o pior aconteceu, fiquei mais viciada que a própria criança. 

Eu não acompanho esses personagens, só sabia da existência do Robin (companheiro do Batman), e da briga entre eles, mas nem sabia que ele tinha deixado de ser o fiel escudeiro do homem morcego. Então, cheguei à conclusão de que o expectador não precisa conhecer todos os personagens e saber das suas origens para apreciar a série.

O Dick Grayson, o Robin, não se revela logo de imediato e sempre foge das suas origens, explicando mais adiante o motivo da decisão. Ele deixa claro que a brutalidade da forma que o Batman resolvia os seus assuntos o incomodava e ele estava se tornando como o seu antigo parceiro, mas os Titãs acabam entrando nesse conflito de brutalidade também e o Dick fica incomodado com isso, pois via o padrão de que tanto fugiu se repetir.

Atualmente, Dick é policial, mas não usa os seus poderes para combater a criminalidade da sua cidade. É em um desses casos que conhece Ravena (Teagan Croft), uma jovem que está passando por um problema sério, que acabou de perder a mãe em uma situação um pouco estranha e logo de cara confia no policial, criando uma afinidade entre os personagens. 

Acontecem certas situações com Ravena, onde percebemos que existe algo místico, algum poder dentro dela. Em decorrência dessas situações, os outros dois personagens (Estelar e Mutano) se encontram e os Titãs são formados.

Cada personagem tem os seus poderes e segredos do passado, que são revelados a medida que a história acontece. Claro que outros personagens de superpoderes aparecem nessa trama, ganhando algum destaques, como a mulher maravilha, o segundo Robin (companheiro do Batman), Rapina e Columba, mas eles não são os principais e sim os extras.

A história gira em torno de Ravena. Os mocinhos precisam protegê-la para os vilões não a capturarem. Eles informam que ela tem algum poder e que, se capturada, o mundo pode ser destruído. A partir daí que a história começa e grandes batalhas acontecem, com cenas fortes para crianças. Deve ser que considerei fortes por isso (talvez por isso tenham posto a faixa etária para a partir dos 16 anos).

Estava tão entusiasmada com os episódios... Infelizmente, a série pecou com a escolha do último episódio. Resolveram finalizar a temporada com cenas fora do contexto e deixando o seguidor com pouca expectativa a respeito do que virá na próxima temporada.

Titãs é uma série interessante, mas senti na maioria dos momentos que deixaram de lado a história dos Jovens Titãs para focarem na rixa entre o Robin e o Batman.



Nascida em 1982, baiana. Bacharel em Administração, trabalha na área financeira de projetos. É apaixonada por romance e suspense.

Um comentário

  1. Eu gostei bastante da adaptação e da apresentação dos personagens.
    Acredito que esse foco no Robin tenha sido proposital, para dar sequência, como acredito que Ravena (como Mutano) deve ter uma atenção maior na próxima temporada já que eles ainda estão conhecendo os poderes deles. Ansiosa pela 2 temp rs

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir