Leituras da Mari: Um Beijo à Meia-Noite - Eloise James


Título no Brasil: Um Beijo à Meia-Noite
Autora: Eloise James
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 320

Nessa reescrita de Cinderela, temos apenas 01 irmã no lugar de três e ela não é má; um tanto fútil e mais ingênua do que o saudável, mas não é má. Kate é a enteada "maltratada" por Mariana, a Madrasta desagradável.

Embora baseado nessa ideia de Cinderela, o desenrolar da trama tem seus quês de originalidade (respeitados os limites para um romance de época, claro). Kate não é toda bobinha e chorosa, mas sim uma mulher forte, que tomou as rédeas da administração da propriedade negligenciada pela madrasta e a manteve funcionando. Gostei bastante da construção dessa personagem: decidida, esperta, com a língua afiada e um excelente senso de justiça.

Outra diferença legal é que irmã boa não fica ajudando escondido Cinderela/Kate, aqui é Kate quem se coloca em uma situação para lá de complicada e desconfortável para salvar a honra da irmã, garantindo à menina um casamento digno com o rapaz por quem havia se apaixonado.

Para melhorar, o "príncipe encantado" é estrangeiro, recebeu o principado como herança junto de um noivado arranjado, enquanto tudo o que ele realmente queria era viver da arqueologia, escavando sítios e descobrindo mistérios da antiguidade (o que considerei bastante legal). Ele precisa casar com uma mulher de dote alto, para conseguir sustentar o castelo com folga, e Kate definitivamente não se encaixa em tal perfil. Inteligente, ético e sensível, ele irá enfrentar o grande conflito de ter que decidir entre o dever e o amor.

A fada madrinha, que de fada não tem nada, é um bônus da história. Uma socialite irreverente, decidida, com excelentes lições de vida bem mais realistas do que o "felizes para sempre" com o "amor à primeira vista" da maioria dos contos de fadas. Minha personagem favorita juntamente ao irmão bastardo do príncipe (pena que não tem história com ele, realmente gostaria de um livro fofo para esse personagem)! 

O livro é uma graça! A leitura fluiu de forma rápida e quando menos notei já estava nas páginas finais. Esse foi o segundo livro da série lançado pela Editora Arqueiro, o livro 01 e o 03 já foram resenhados aqui neste blog e agora ficaremos no aguardo do 04.

Sinopse: Kate Daltry é uma jovem de 23 anos que não costuma frequentar os salões da alta sociedade. Desde a morte do pai, sete anos antes, ela se vê praticamente presa à propriedade da família, atendendo aos caprichos da madrasta, Mariana. Por isso, quando a detestável mulher a obriga a comparecer a um baile, Kate fica revoltada, mas acaba obedecendo. Lá, conhece o sedutor Gabriel, um príncipe irresistível. E irritante. A atração entre eles é imediata e fulminante, mas ambos sabem que um relacionamento é impossível. Afinal, Gabriel já está prometido a outra mulher – uma princesa! – e precisa com urgência do dote milionário para sustentar o castelo. Ele deveria se empenhar em cortejar sua futura esposa, não Kate, a inteligente e intempestiva mocinha que se recusa a bajulá-lo o tempo todo. No entanto, Gabriel não consegue disfarçar o enorme desejo que sente por ela. Determinado a tê-la para si, o príncipe precisará decidir, de uma vez por todas, quem reinará em seu castelo. Um beijo à meia-noite é um conto de fadas inspirado na história de Cinderela. Com um estilo que combina graça, encanto e sedução, Eloisa James escreve uma narrativa envolvente, com direito a fada madrinha e sapatinho de cristal.

Um comentário

  1. Olá, que bom saber que curtiu essa leitura, também gostei bastante desse livro, especialmente por ser baseado em um conto de fadas. Amei sua forma de apresentar os personagens.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir