Devaneios da Bel: Brincando de Amor – Os Irmãos Kelly, livro 3 – Crista McHugh





Título:  Brincando de Amor – Os Irmãos Kelly, livro 3
Título original: Falling for the Wingman (Kelly Brothers, #3)
Páginas: 155
Autor(a): Crista McHugh
Tradução: Lucy Machado
Editora: -
Ano: 2014
Gênero: Romance estrangeiro, Romance contemporâneo, Chick-Lit
Prêmios Literários: Nomeação para o Kindle Book Award para Romance (Semifinalista) (2014)

Sinopse: O piloto da Força Aérea Caleb Kelly voltou com uma missão em mente – pedir em casamento a mulher cujas cartas e amuleto o ajudaram a sobreviver no Afeganistão. Mas quando ele encontra o seu apartamento vazio e um bilhete dizendo que ela havia ido embora, ele viaja para a casa da mãe dela, no interior do Alabama, menos de uma semana antes de Kourtney casar com outro homem. Agora, ele está determinado a reconquistá-la, e ganha a ajuda inesperada da sua irmã mais nova, Alex.Alex Leadbetter sempre achou que Caleb era bom demais para a sua irmã manipuladora e alpinista social. Ela havia assumido a identidade de Kourtney para escrever cartas a ele e alegrá-lo até que voltasse para casa e para a triste realidade, sem jamais imaginar que se apaixonaria por ele no processo. Quando ele chega na cidade, ela o convence de que a melhor forma de reconquistar Kourtney é fazê-la acreditar que ele se apaixonou por outra pessoa – ela. Mas quando um romance falso se torna real demais, as mentiras podem deixar ambos em terra firme.


A série Irmãos Kelly, da escritora Crista McHugh, é o típico romance de banca, leve, adorável e fofo. Muita gente tem preconceito contra romances de banca, achando que não têm coesão, coerência ou mesmo sentido lógico. Não podemos esquecer ou mesmo tentar encobrir que em sua grande maioria são mesmo leituras rápidas e com enredos desenvolvidos de maneira um tanto... capenga.

Não é o caso dos livros de Crista, sim, as histórias dela são ligeiras, ou pelo menos as do livro 1 e do livro 3 são. Não li o livro 2 – corrigirei esse erro em breve – nem os sequentes. Nem mesmo as outras séries lançadas por ela.

Em Brincando de Amar, livro 3 dos Kelly, somos apresentados ao oficial Caleb, piloto da Força Aérea e que só pensa em casar com o amor de sua vida. Até descobrir que ela status e dinheiro, coisas que um “simples” piloto não pode oferecer.

Para reconquistar a mulher que acha ser real, na verdade ele é apaixonado pelo carinho de Alex, a irmã mais nova de sua ex-noiva, Caleb conta com a ajuda de Alex.

Típico livro de engano de personalidade. Caleb ama a mente gentil e amorosa de uma pessoa que ele pensa ser a ex. Alex, gentil e amorosa, ama Caleb e não quer vê-lo sofrer por causa de sua mimada irmã. Confusão armada.

O romance de mentira, armado para fazer a ex de Caleb sentir ciúmes dele, começa a se tornar real e Caleb efetivamente se envolve com Alex.

O piloto Caleb é, como seus outros irmãos, um cavalheiro, além de sexy como o inferno e extremamente engraçado, com um humor peculiar. Já Alex é uma mocinha difícil de odiar, ela não é frágil, não perde a cabeça, não é submissa. Pelo menos não com os homens, já com sua família é uma outra história.

Um romance contemporâneo rápido, quente e com carros velozes. Indicação mais do que garantida para uma diversão de final de semana.

Ah, só uma curiosidade. Alex brinca de Cyrano!

Nascida em 1972, em Volta Redonda - RJ, jornalista, escritora, curiosa, observadora e que ama conversar com as pessoas e ouvir suas histórias. Escrever é mais quem um hobby para ela, é um vício. Um bastante saudável até. E para mantê-lo é preciso ler, ler muito e depois ler mais um pouco. Além de assistir muitos filmes e de conversar com muitas pessoas - na fila do banco, do mercado, na pr

Um comentário

  1. Eu nunca li romances do tipo "de banca", não por preconceito, mas por falta de oportunidade mesmo hahaha Mas sua resenha me deixou fascinada. Adoro esse tipo de drama, parece comédia romântica... Com certeza eu vou atrás desse livro. Obrigada pela dica!

    Xoxo,
    Abby
    Blog Linhas Tortas

    ResponderExcluir