Devaneios da Bel: Uma Estranha em Casa – Shari Lapena



Título:  Uma Estranha em Casa
Título original: A stranger in the house
Páginas: 266
Autor(a): Shari Lapena
Tradução: Márcio El-Jaick
Editora: Record
Ano: 2018
Gênero: Thriller, Romance Estrangeiro, Suspense

Sinopse Record: Karen Krupp acorda no hospital, sem ter a menor ideia de como foi parar nele. Tom, seu marido, diz que a porta estava destrancada quando ele entrou em casa, as luzes acesas, e que a esposa provavelmente saiu às pressas quando estava preparando o jantar, pelo que ele viu na cozinha. Karen perdeu o controle do carro enquanto dirigia a toda a velocidade e bateu de frente num poste. O mais estranho: o acidente aconteceu num dos bairros mais perigosos da cidade. A polícia suspeita de que Karen esteja envolvida em algo obscuro, mas Tom tem certeza de que não. Ele está casado com ela há dois anos, conhece muito bem a mulher. Será mesmo? Vai perguntar tudo a Karen quando chegar ao hospital, depois de dizer que a ama e que está feliz por ela ter sobrevivido, é claro. Mas Tom não obtém resposta nenhuma. Porque ela não se lembra de absolutamente nada.

Não conhecia essa autora, uma canadense que era advogada e professora de inglês, tornou-se escritora enveredando pelo gênero de suspense policial.
Ainda não li o livro de estreia dela, mas esse, Uma Estranha em Casa, é de tirar o fôlego e de dar raiva, mas vamos por partes.
O livro começa com uma mulher correndo, desesperada, para fora de um local mal iluminado, na parte mais barra pesada da cidade. O medo não diminui, por isso ela entra no carro e dirige o mais rápido que pode para longe do local. A velocidade e a falta de atenção são tantas que ela acaba causando um grave acidente, em que ela é a única vítima, ficando gravemente ferida, com uma severa perda de memória.
Ao acordar no hospital, reconhece o marido, sabe por alto quem é, mas não se lembra de muito mais coisas além disso. Até que a polícia, investigando o acidente, descobre que ela é a principal suspeita de um crime.
Chega da história.


O mais fora da curva na narrativa de Shari – talvez por termos uma advogada narrando e usando seu conhecimento das leis – é que o crime e a punição são explicados, o criminoso é identificado, mas nada disso importa, porque o criminoso é mais esperto do que polícia, do que os outros personagens. Sem contar que o criminoso tem uma ajuda inesperada.
Não precisaria nem mesmo tomar tanto cuidado em não dar spoiler, porque a autora deixa claro desde o início o crime, a vítima e o criminoso, mas quero a satisfação de ver cada um de vocês passando pela mesma raiva que eu.
O português – para uma revisora – está muito bom. Tem sempre um ou outro errinho, mas nada que vá comprometer a compreensão do enredo, aliás, para quem não é chato e não dorme com duas gramáticas, o livro está perfeito.
A condução da trama não é de perder o fôlego, mas é muito boa, os personagens estão dentro do esperado, em cada passo da trama. Incluindo a stalker/hater/maluca do outro lado da rua.
Leiam e me digam se gostaram tanto quanto eu.
Avaliação? Cinco estrelas, claro.

Nascida em 1972, em Volta Redonda - RJ, jornalista, escritora, curiosa, observadora e que ama conversar com as pessoas e ouvir suas histórias. Escrever é mais quem um hobby para ela, é um vício. Um bastante saudável até. E para mantê-lo é preciso ler, ler muito e depois ler mais um pouco. Além de assistir muitos filmes e de conversar com muitas pessoas - na fila do banco, do mercado, na pr

4 comentários

  1. Olá eu li o livro de estreia dela e estou curiosa para ler o livro é a primeira resenha dele que eu leio e me encheu de expectativas sobre o livro dica anotada

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Por ser lançamento, vejo umas opiniões bem divididas sobre a história. Como é um gênero que não leio muito, ou quase não leio mesmo, não me despertou tanto interesse inicialmente. Claro que vou indicar para os amigos que curtiram o primeiro livro da autora, e fãs de thrillers. Com certeza deve passar raiva haha Ótima resenha!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Bel,
    Estou com ele no Kindle para ler Hahahah, adorei a premissa e mesmo não sendo surpreendente ainda sim acho que vou adorar! Vou ler e volto pra te contar!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  4. Oi, Tudo bom?
    Nossa não conhecia esse livro, que interessante!
    Adoro o gênero e pelo visto esse é surpreendente, obrigada pela dica maravilhosa.
    beijos

    ResponderExcluir