Devaneios da Bel: O Segredo de Emma Corrigan


Título: O segredo de Emma Corrigan
Título original: Can you keep a secret?
Páginas: 352
Autor(a): Sophie Kinsella
Tradução: Alves Callado
Editora: Record
Ano: 2005

Sinopse Record: Da mesma autora de Os delírios de consumo de Becky Bloom Emma Corrigan tem alguns segredinhos... Mas quem não tem? Durante uma viagem de avião bem turbulenta, Emma acredita que não sobreviverá aos solavancos, e acaba contando todos – mas todos! – os seus segredos para o homem sentado na poltrona ao lado. Quando a aeronave pousa em segurança, ela pede desculpas ao companheiro de voo pelo desabafo, pensando que nunca mais veria aquele estranho bonitão. No dia seguinte, no entanto, ela descobre que seu colega de viagem era ninguém menos que Jack Harper, um dos fundadores da grande Corporação Panther, empresa na qual Emma trabalha como assistente de marketing. E que seu encontro desajeitado com o milionário a colocaria na maior confusão.

Você tem um segredo? Todo mundo tem pelo menos um segredo. A diferença de todo mundo para a Emma é que ela contou os dela. Pelos menos os melhores, para a última pessoa que ela deveria se expor tanto.
Emma é uma jovem executiva bem atrapalhada, que vive se metendo em confusões e ao mesmo tempo se sente rejeitada pelos pais, colegas de trabalhos e até amigos, não que ela tenha muitos.
A história se passa na Inglaterra, onde ela vive e trabalhar. Ela é enviada para uma viagem até a Escócia, onde precisa resolver um pequeno problema de trabalho. Tudo dá errado, desde a saída de casa até o final da reunião. Para piorar a situação uma turbulência no voo de volta faz com que a “nossa” heroína entre em pânico e faça uma confissão inesperada ao seu companheiro de viagem. Ela abre a alma, conta segredos e detalhes que nem mesmo o travesseiro dela deveria saber. Coisas no estilo:



Sempre tive uma convicção profunda de que não sou como todo mundo, e que há uma vida nova e incrivelmente empolgante me esperando ali na esquina.
Pois é, a turbulência passa, o avião não cai e todos chegam vivos ao destino, mas tudo bem. Ela estava na classe errada do voo, o homem para quem ela se confessou não era do “mesmo nível” que ela e os dois nunca mais se encontrariam. Certo?
Bom, é a vida da Emma Corrigan nada poderia ser assim tão simples, e o estranho desconhecido era simplesmente o novo chefe da empresa onde ela trabalhava.
Segredos, mentiras, enganos, romance de escritório. Um bonitão que se sente muito atraído por uma mulher complexa e confusa, com baixa autoestima, mas que tenta a todo custo ser melhor a cada dia.
Sophie Kinsella é uma feiticeira no gênero Chick-Lit – seja lá o que isso signifique. Prefiro chamar de Comédia Romântica, porque os livros dela são engraçados, românticos, instigantes e inteligentes. Além de termos a sensação de que, se não somos Emma, temos uma amiga próxima que é muito parecida com ela.
A edição da Record é bem traduzida, com um português correto, e mesmo que tenha um outro errinho de digitação ou de gramática, são coisas tão pequenas que não comprometem a compreensão do texto. Agora quanto a capa, eu não gostei da capa brasileira, ela é divertida e está 100% de acordo com a história, mas eu amei mesmo a capa inglesa, mas isso é outra coisa que não compromete em nada a qualidade da história.
Se eu recomendo a leitura? Claro que sim. É um ótimo livro para relaxar.




Nascida em 1972, em Volta Redonda - RJ, jornalista, escritora, curiosa, observadora e que ama conversar com as pessoas e ouvir suas histórias. Escrever é mais quem um hobby para ela, é um vício. Um bastante saudável até. E para mantê-lo é preciso ler, ler muito e depois ler mais um pouco. Além de assistir muitos filmes e de conversar com muitas pessoas - na fila do banco, do mercado, na pr

4 comentários

  1. Oi, Bel.
    Fiquei imaginando as cenas conforme ia lendo a sua resenha e imaginando a cara da Emma quando descobriu quem era o homem para quem ela confessou tudo! Ri só de pensar... Rs... Adoro esses livros gostosinhos assim!
    Já anotei a dica!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  2. Oi Bel!!!
    Acho que Emma me lembrou Bridigte Jones kkkkkk, O jeito que você descreveu a personagem e o enredo já me fizeram imaginar as gargalhadas que vou dar lendo. Nunca li nada da autora, vou anotar a dica para me arriscar com algo que é garantia certa de diversão.

    Beijokas

    ResponderExcluir
  3. Nossa adorei a história. Com certeza uma que leria agora. Parabéns. E acho ué vou gostar deste também pelo fato de gostar muito de Beck Bloom.

    ResponderExcluir
  4. Oii.
    O segredo de Emma Corrigan é um dos meus chick lits favoritos, ri horrores com essa figura. Também gosto muito de chamar esse gênero de Comédia romântica pq parece filme de comédia romântica mesmos kkk.
    Amei o post. Bjs Mary

    ResponderExcluir