Devaneios da Bel: Noiva até Sexta


Título: Noiva até Sexta
Título Original: Fiancé by Friday
Autor: Catherine Bybee
Tradutor: Sandra Martha Dolinsky
Número de páginas: 280
Idioma: Português
Editora: Verus Editora
Ano: 2017
Gênero: Romance, Romance Estrangeiro

Sinopse Verus Editora: O terceiro livro da série Noivas da semana Gwen Harrison: a bela filha de um duque inglês se mudou para os Estados Unidos para cuidar da agência de casamentos de sua cunhada. Só porque ela agora é a chefe da agência, não significa que não possa fantasiar um encontro perfeito com o enigmático Neil MacBain, o guarda-costas que vem tornando seus sonhos um tanto quanto agitados. Mas negócios são negócios, e é melhor Gwen não se deixar envolver. Neil MacBain: o ex-fuzileiro naval não pode negar o efeito da aristocrata Gwen em sua alma atormentada e seu corpo esculpido pela rotina militar. Mas ela é cliente dele, e manter distância é fundamental — até uma ameaça do passado de Neil retornar e Gwen se ver no meio do fogo cruzado.
 Agora depende de Neil decidir o que é mais importante salvar: sua carreira, sua vida... ou a mulher que conquistou seu coração.

Uma lady – duquesa – inglesa poderia ser feliz com um simples guarda-costas que sofre de Estresse Pós-Traumático?

Esse pode ser o melhor resumo do livro, porque ele é bem isso. Uma superprotegida e nada delicada nobre inglesa conhece e se apaixona perdidamente pelo chefe de segurança de seu irmão. Só que o “guerreiro highlander do século dezesseis” sofre de estresse pós-traumático por conta das missões que participou. Ele era um Special Ops – chefe das Operações Especiais. Algo quase mais secreto do que a CIA, então podemos imaginar muito sobre esses homens – e mulheres – porque como nada se sabe realmente sobre eles todas as teorias são válidas.

O livro é rápido e fácil, levei pouco mais de quatro horas para ler as 280 páginas do e-book. Gwen, ou lady Harrison, como Neil insiste em chamá-la, não é o clichê de nobre que se espera depois de tantos livros e filmes retratando a realeza. Ela não é fresca, não é mimada, não é intransigente. Muito pelo contrário, é uma pessoa rica, mas pé no chão. Não passou necessidades, mas sabe que a vida não é um mar de rosas.


Neil é o grande e mau guerreiro que se apaixona perdidamente e luta com todas as forças contra esse amor para não ferir a mocinha que ele julga delicada. Sua flor de estufa é na verdade um cacto com um temperamento divertido.

O romance pode até parecer rápido, mas ele vem se construindo a dois livros, com os olhares, flertes e insinuações. Só que aqui um super vilão do mal resolve acelerar as coisas e coloca a vida de Gwen em risco para ferir Neil e eliminar o ex Fuzileiro.

Apesar do desenvolvimento rápido da trama, e da agilidade da narrativa, a autora não deixa pontas soltas, não cria situações impossíveis. Minha única ressalva negativa aqui é quanto à viagem de carro pelos Estados Unidos. Acho que poderia ter sido melhor explorada, tendo-se em conta que a passageira é uma inglesa que via todas as paisagens pela primeira vez.

A parte do suspense foi bem desenhada, sem apelar para truques ou forçando a mão quando não era necessário. Uma coisa que pouca gente pode notar, além da participação de todos os personagens da série é a história cativante da Karen (próximo livro da série), a maneira como a autora trabalhou a loirinha atrevida e medrosa já deixou a todos curiosos por sua história.

Já o erotismo, bom... A senhora Bybee tem uma imaginação muito quente. As cenas de sexo entre Neil e Gwen são de tirar o fôlego. Minha predileta foi a da banheira.

Gostei da capa, mas prefiro a original, é mais delicada, mais relacionada a série. A tradução foi muito bem feita, alguns pequenos pecadilhos na revisão, mas nada que comprometa a compreensão do texto, só letrinhas invertidas ou faltando. Só reparei porque também sou revisora, então tem coisas que pulam na minha cara quando estou lendo.
Leitura recomendada.

PS.: Quem comparou essa série com A Garota do Calendário precisa ler um pouco mais, porque uma é completamente diferente da outra.




Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário