Cantinho da Daya: O treinador do meu sobrinho


Título: O treinador do meu sobrinho
Autora Nacional: Vanessa Gramkow
Páginas: 146 
Ano: 2017
Editora: Ella


Oi, pessoal!

Hoje vou trazer a resenha da autora nacional Vanessa Gramkow. Desde o começo, fiquei muito intrigada com esse título e com a sinopse,  pois é o estilo de livro que gosto e queria conhecer a história de Duda.

A protagonista é uma ex-modelo famosa, que largou tudo para se dedicar ao sonho de ser fotografa. Duda passou por momentos difíceis, perdeu os pais muito nova e foi criada pela irmã mais velha. Com o decorrer do tempo, acabou criando "muralhas" no seu coração, levando uma vida solitária, longe da família, dos amigos e não se apaixonando por homem algum. Ela não troca a sua liberdade por nada nesse mundo, prefere curtir o momento.

Como presente de aniversário, Duda resolve dar para o seu sobrinho um book de fotos, feito por ela, do campeonato de tênis que ele vai participar. Ela abre um espaço na agenda lotada e vai ao encontro da família.

Finalmente Duda iria conhecer o treinador do seu sobrinho e entender por que o garoto afirmava que ele era o homem ideal para "domar" a tia, uma mulher que nunca acreditou no amor.

Ela chega na cidade em pleno carnaval e decide parar um pouco para curtir antes de encontrar com a família no hotel. Em plena festa, ela é abordada por um homem que, embora já tivesse bebido um pouco, a atrai e, como ele não a deixava em paz, acabam  trocam alguns beijos.

Duda não sabe o que aconteceu, mas sente que esse desconhecido mexeu com ela. Ela não consegue tirá-lo da cabeça, mesmo assim precisa focar na sua missão: tirar fotos do sobrinho! O que ela não esperava era ter uma grata surpresa quando foi apresentada para o tão falado treinador.

A partir daí, Duda e André vão se conhecer melhor. Só que a vida é marcada por desencontros e elenem tudo é tão simples quanto parece... 

É um romance leve, sem cenas eróticas; uma leitura rápida e com alguns aprendizados. 





Resenha do Skoob: Duda aprendeu que a vida não era fácil, mas nunca se deixou abater pelos obstáculos. Conhecida por sua personalidade ousada, ela valorizava sua própria liberdade acima de quaisquer sentimentos. A vida estava sempre sob seu controle... até seu sobrinho, o jovem tenista Igor, garantir-lhe que André, seu treinador, seria o “homem ideal” para ela. Duda não acha que precisa de qualquer relacionamento sério, aliás, aprendeu que o amor não existe para todos, especialmente não para ela. Por isso, tudo soava muito divertido quando Duda soube que finalmente conheceria o “tão mencionado” André; o problema é que o tal “homem ideal” era um babaca que parecia muito disposto a irritá-la. Agora, Duda precisará lidar com as expectativas românticas de seu sobrinho, a monitoria estressante de sua irmã mais velha, o confronto com seu próprio passado doloroso e a verdade de que nunca é tarde para aprender a amar.

Comente com o Facebook:

Um comentário: