Resenha: As crianças invisíveis do sinal vermelho - Oliver Fábio


Título no Brasil: As crianças invisíveis do sinal vermelho
Autora Nacional: Oliver Fábio
Editora: Independente 
Idioma: Português
Páginas: 19
Ano: 2017

Oi, pessoal!!

Hoje vou trazer a resenha do primeiro conto do novo projeto literário do autor nacional Oliver Fábio, Histórias Curtas - HC. Serão lançadAs histórias de gêneros variados e nesse primeiro vamos conhecer o lado terror do autor.

As crianças invisíveis do sinal vermelho traz uma triste realidade nesse mundo cruel. Muitos pais, sem estrutura nenhuma, engravidam e colocam essas crianças em um universo desequilibrado.

Vamos conhecer seis irmãos pequenos, entre 04 e 08 anos, que são obrigados a vender pipoca nas sinaleiras para as pessoas e com isso levar dinheiro para casa. Caso chegasse emm casa com pouco ou sem dinheiro, apanhavam; caso sumisse alguma pipoca, apanhavam também. 



Em um determinado dia, o irmão mais novo, Gabriel, estava com muita fome, então uma das irmãs resolve comprar um refrigerante e um pacote de biscoito para alegrar aquele momento único e saciar um pouco a fome dos irmãos. Depois acharam que era o momento de parar com as vendas e voltar para casa, mas antes decidiram brincar um pouco de pique-esconde em um prédio abandonado, em Brasília, que servia de refúgio para os usuários de drogas e delinquentes. A partir daí começa o terror... 

Eu morro de medo de histórias desse gênero, já leio com o coração acelerado e cheia de receio. Contudo o autor tem uma narrativa envolvente e, quando percebi, tinha acabo o conto em alguns minutos. Claro que terminei a leitura de coração partido, pois não é fácil saber que essa história é real e que encontramos situações nesse estilo no nosso país e no mundo.

Quantas mulheres vivem nas ruas e utilizam os seus filhos como meio de conseguir dinheiro, sem oferecer um mínimo de carinho e atenção? É uma triste realidade a que essas crianças vivem sem saber o que encontrar no seu futuro e se realmente vão ter algum futuro.

É o meu primeiro contato com a escrita do autor e já estou ansiosa para ler a próxima história do HC.



Sinopse: Seis crianças com nomes de artisticas americanos. Desigualdades sociais. Um porção de inocência. O melhor biscoito recheado. Uma brincadeira de pique-esconde... e TERROR.

Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. Oiii Daya tudo bem?
    Sempre tive bastante interesse nos livros do autor, pois sempre fizeram e fazem sucessos,abordando os assuntos que mais gosto, esse é um que adoraria dar oportunidade, a desigualdade é um tema que deveria ser abordado e muito, o autor acertou em cheio.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Heiii, tudo bem?
    Nossa, que história mais forte e emocionante.
    Pelo título "As crianças invisíveis do sinal vermelho" já dá pra ver que a obra é dessas que mexe com a gente, ainda mais por retratar uma realidade tao perto da gente.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  3. Adorei... a capa, a ideia, o projeto, a resenha e a premissa! vai furar a fila de livros para sempre lidos, com toda a certeza!

    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Daya
    Eu sempre gostei de livros assim, que contam a realidade e com histórias tristes. Com certeza leria, estou conhecendo a obra agora. Realmente é algo muito triste, e algo que precisa ser discutido. Adorei a dica.

    Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Si pelo título já achei que iria amar a obra, e dé fato, depois de ler a resenha notei que vai ser bem emocionante kk. Achei o trabalho da capa muito linda e sem dúvidas quero lê lá em breve. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá, do Oliver eu já tinha lido "E o céu de Miramar?" e gostado bastante, então estou bem animada para ler essa HC, ainda mais depois de ter visto a sua resenha e de saber que há essa coisa mais de terror na obra.

    ResponderExcluir
  7. Oii! Esses tipos de histórias sempre mexem comigo, mas infelizmente é a realidade. Eu não conhecia o autor e fiquei bastante curiosa em conferir a sua escrita. Achei a edição muito linda, dica anotada com certeza. Bjss!

    ResponderExcluir
  8. Oi Daya! Parabéns pela resenha! Histórias nesse estilo mexem demais com o meu emocional, é triste saber que isso é uma realidade, é um verdadeiro terror. Fiquei curiosa para saber o que vai acontecer com essas crianças. Nunca li nada do autor, parece ter um escrita bem interessante, beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bem? Adorei sua resenha! Eu tenho problemas com histórias assim tão curtas, acabo sentindo que faltou alguma coisa, mas fiquei curiosa com essa, e como adoro o gênero darei sim uma chance a leitura :D

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Não conhecia o livro, mas fiquei bem interessada nele. Espero ler o mais rápido possível.

    ResponderExcluir
  11. OIii

    Mesmo não sendo meu estilo favorito, fiquei muito curiosa em relaçao a obra! Gostei da sua resenha!!
    Espero que as próximas obras te conquistem tbm!

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Também sou igual a você e já fico morrendo de medo HAHAHA gostei do modo como você trouxe a história e concordo que infelizmente acontece muito isso na vida real. Ótima resenha <3
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir