Resenha: Verão Intenso


Título: Verão Intenso
Autor (a): Ana Rita Cunha
Páginas: 66
Ano: 2017
Editora: independente

Apesar de parecerem bem complexos os dilemas de Rafael, ele age como um sujeito resolvido, que sabe o que quer. Em outras palavras, apesar de ter seus conflitos internos, não fica de “mimimi” no momento de agir. Ele mira no alvo e faz o que tem que fazer para acertá-lo; eu adorei isso.

Milena pareceu-me enigmática, não captei exatamente a razão da hostilidade que senti na maneira como ela age. Aparenta ser uma mulher inabalável e penso que, talvez, sua experiência de vida a tenha obrigado a se revestir com essa armadura, o que a faz parecer uma pessoa dura, fechada. Porém toda essa proteção vai por água abaixo e bastante rápido, quando a jovem se torna “alvo” de Rafael. Ela é posta à prova e deixa ver toda sua vulnerabilidade e seu desejo de ser amada mesmo quando pensa que não está fazendo isso.


Ela é uma jovem tentando superar muitas perdas; ele é um homem cheio de arrependimentos. Nada parece ser páreo para a determinação de Rafael; nada parece capaz de nublar o encantamento que repentinamente Milena sente por esse homem. Ledo engano. O passado bate à porta quando menos eles esperam.

Como é um conto e, naturalmente, uma história mais curtinha, a autora não aprofunda muito quando menciona as experiências passadas dos personagens, principalmente os dilemas de Milena. Essas vivências, pelo que pude perceber, fazem toda a diferença no modo como eles agem, na maneira como se posicionam diante da vida e das pessoas. A princípio é também uma barreira entre os personagens principais.

Apesar de os conflitos dos personagens, sobretudo de Rafael, serem bastante complexos, a autora traduziu isso de uma forma muito suave.

Confesso que eu teria adorado se, em vez de um conto, fosse um romance, com toda a profundidade que o último gênero permite, mas tenho que admitir que o texto não deixa nada a desejar em termos de compreensão (eu e minha falta de objetividade, rsrsrsrs).

Bom, estava ansiosa para ler algo de Ana Rita Cunha, e encontrar esse conto foi uma ótima oportunidade de burlar minha lista gigantesca de leituras pendentes e passá-la na frente. Foi uma grata experiência, que se passou em apenas uma tarde.

Adorei perceber o desabrochar de Milena ao render-se aos encantos de Rafael, assim como a força de vontade dele para dar um giro na própria vida.

A leitura foi leve, inspiradora e deliciosa.



SINOPSE SKOOB: Rafael Vieira é um advogado renomado. Herdeiro de uma das maiores exportadoras de pescado do Rio de Janeiro, Rafael jamais abriu mão da profissão em detrimento da empresa da família. Um homem atormentado por seus gostos peculiares, vive as voltas com uma mulher que o leva ao céu e ao inferno nas mesmas proporções. Milena Colares é uma jovem esforçada e decidida, que com a perda dos pais ainda muito jovem, focou sua vida no trabalho e nos poucos amigos e prazeres. Rafael, para Milena, é exatamente o tipo de homem que tanto atrai como repudia. Uma vigem para a cidade natal de Rafael, onde suas vidas viram de cabeça para baixo, poderá fazer com que esse casal descubra a verdadeira essência do amor?Descubra em VERÃO INTENSO. Um conto quente e apaixonante do livro UMA MADRUGADA DE VERÃO, primeiro livro da série estações. 

Comente com o Facebook:

8 comentários:

  1. Olá
    Eu não conhecia a autora e logo não tinha visto nada relacionado ao seu trabalho. Achei. A proposta do conto bem interessante mas não faz bem minha praia de leitura. O bom de contos é essa burlada na fila de leitura por se tratar de algo mais curto kkjk. Adorei a rainha, mas pularem a dica. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia a autora, fico feliz que tenham se agradado tanto do livro, não me senti muito instigada a fazer a leitura, mas por ser rápida talvez a faça um dia para saber o que é que esse Rafael tem e o que essa Milena vai aprontar com ele... rs

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  3. Oi Deh! Poxa pena que a história é bem curtinha, não conhecia esse conto e fiquei curiosa em ler. Já li alguns contos parecidos e entendo totalmente. Porque mesmo o livro contendo poucas páginas não deixa de ser viciante. Adorei a resenha, quero conhecer esse casal e um pouquinho dos seus passados. Obrigada pela dica, bjss!

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Esse é um dos motivos que não gosto de contos, pois sempre fico com aquela sensação de que a história pode render mais. Mas é uma ótima dica, e vou anotar para poder conferir.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. olá!
    realmente, contos são mais curtos e qdo são bons, deixam com essa vontade de que houvesse mais.
    Dica anotada.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá, ainda não conhecia esse conto, pela sua resenha é uma leitura que eu gostaria de fazer, pois gosto de contos e ainda mais quando são de romance.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Não conhecia o conto, mas a premissa clichê (Adoro clichês!) me chamou a atenção.
    Gostei de saber que Rafael é bem resolvido, apesar de seus dilemas, personagens que ficam de mimimi me incomodam muito. Milena parece ter algum segredo, ou algo que a incomoda, e isso também parece ser interessante.
    Dica anotada!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oii Deh, tudo bem? Eu não conhecia esse livro e adorei a resenha. Verão Intenso parece ser uma leitura bem envolvente e rapidinha, portanto já anotei sua dica <3 Ótima resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir