Resenha: Inferno Perfeito




Título Original: Inferno Perfeito
Autor (a): Camila Ferreira
Editora: independente
Ano: 2016
Páginas: 296



Camila Ferreira é uma das autoras mais ecléticas que eu conheço, não se contenta em explorar seu potencial apenas em uma área. Depois do grande sucesso de “Adorável Cretino” e de comprovado seu enorme talento para a comédia romântica, eu não imaginava que ela continuaria a transitar por diversos, subgêneros literários, como vem fazendo desde o início de sua carreira como escritora. Por isso eu me surpreendi muito, logo ao ler as primeiras linhas de seu último romance, “Inferno perfeito”, que é pura a ação e adrenalina, com cenas dignas de filmes hollywoodianos.

Apesar de parecer fantástica para nós que vivemos deste lado do globo terrestre, a história da jornalista Laura Ryder contém uma boa dose de realidade, já que em países localizados em zonas de conflitos não é raro que grupos extremistas sequestrem jornalistas estrangeiros, como aconteceu a ela.



Laura sempre sonhou em fazer uma grande reportagem de Guerra e, quando a oportunidade apareceu, não hesitou em fazer as malas e embarcar para a Somália, país onde a guerra civil perdura há anos.  Logo no início da história, a autora nos transporta de forma muito realista para esse lugar totalmente distinto da realidade dos ocidentais e descreve com muita verdade os momentos de angústia vividos pela jornalista em cativeiro; foi aqui, logo no início, que a história me ganhou.

Confesso que estava gostando tanto de conhecer um pouco daquela realidade, que lamentei o momento em que a trama se transportou para o ocidente, para os Estados Unidos. Cheguei a pensar que a história embalaria num ritmo mais brando e ficaria por conta do “romance”, mas, mais uma vez, eu me surpreendi com a autora, que “injetou” mais e mais ação à história, deixando-me (e acredito, pelos comentários que ouvi a respeito, outros leitores também) com os nervos à flor da pele. Quando você começa a ler, não consegue mais parar.

Dan Walker é um mercenário. Além dos trabalhos que executa para aqueles que pagarem melhor, ele tem um alvo pessoal.  Quando seus caminhos cruzam com os de Laura, em pleno deserto da Somália, onde ele espreita seu maior inimigo, o ex-agente secreto está obstinado em sua caçada e a última coisa que pensa em fazer é dar uma de “bom samaritano” salvando mocinhas indefesas. Dono de uma frieza ímpar, Walker se esquiva de todas as maneiras de qualquer envolvimento com a jornalista, porém não imagina que, ao ser sequestrada, ela passa a estar implicada de maneira irrevogável com missão de sua vida.

Os dois protagonistas, a princípio, não são dos mais cativantes. Walker é uma pedra de gelo e Laura é bastante irritante. Mas a maneira como ambos amadurecem e mudam, pouco a pouco, à medida que a história se desenrola, é uma delícia de se ver e deixa, a cada capítulo, um gostinho de quero mais. A trama tem poucos personagens realmente importantes. Muitos são meros figurantes sem nome que representam terroristas e guerrilheiros, mas aqueles que realmente importam foram muito bem caracterizados. Em nenhum momento a autora se perdeu no desenvolvimento dos arcos narrativos, ou seja, os personagens sofreram mudanças depois de tudo que viveram durante a trama, mas de forma muito coerente e crível.

Tiros, explosões, momentos de agonia e alta velocidade formam a essência desta história, e o “romance” é apenas uma pitadinha, muito bem dosada. Essa escolha, de relegar o “amor” ao segundo plano, foi mais um ponto que me surpreendeu no trabalho da autora, que sempre mostrou forma bastante marcante em suas histórias o romantismo que suas fãs parecem adorar.

Não posso terminar esta resenha sem mencionar que é notável a evolução da autora, que, com o passar dos anos, vem se aprimorando, lapidando seu talento e tornando seu trabalho cada vez melhor, como pode ser visto em “Inferno Perfeito”. Sua escrita está mais rica em detalhes, com descrições mais profundas e engenhosas. Camila Ferreira realmente se empenhou na pesquisa contextual e em trazer para seus leitores (as) um trabalho de qualidade. Ela está de parabéns!


SINOPSE SKOOB: Laura Ryder sempre sonhou em fazer história com uma grande reportagem. Com esse intuito, preparou-se e fez uma longa viagem até a Somália. Ela jamais poderia imaginar que, dentro de poucos dias de sua chegada àquele país marcado pela guerra, faria parte de uma terrível estatística: a dos jornalistas sequestrados por rebeldes em zonas de conflitos.
Dan Walker é mercenário e tem um talento único para encontrar e eliminar seus alvos com precisão. Sua missão sempre foi erradicar organizações criminosas ligadas ao terrorismo e tráfico de armas. Ele fazia isso apenas profissionalmente, até que uma tragédia abateu-se sobre sua vida, transformando seu trabalho em algo pessoal. A partir de um fatídico Dia de Ação de Graças, encontrar o homem que destruiu sua vida tornou-se uma obstinação, sua razão de viver.
Walker sabe que não pode confiar em quem quer que seja. Acredita apenas nos próprios instintos e estes nunca permitem que ele desvie o foco. A despeito disso, durante uma missão que o conduziria ao seu verdadeiro alvo, algo o leva a agir de modo totalmente diferente do que havia planejado. Ajudar uma mulher desconhecida que foge de seus captores em meio ao deserto da Somália era algo fora de questão, mas, levado por um impulso desconhecido, ele resolve socorrê-la. A partir de então, sua missão ganha novas ramificações, as quais serão decisivas em sua própria vida.
“Inferno Perfeito” é um intenso romance, que irá deixar você sem fôlego, conduzindo-o a lugares em que jamais imaginou estar.

Comente com o Facebook:

14 comentários:

  1. Oie
    Agora quero muito ler esse livro :)
    Gosto demais de histórias com muita ação. Dica super anotada.
    Vc sabe me dizer se vende na Amazon ou direto com a autora?
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu gosto muito de livros nesse gênero,suspense e ação são de mais. Não conhecia a autora,apenas de ela ser um fenômeno com você mesma disse. Fiquei curiosos para saber mais sobre o enredo que me parece ser bem rico. Gostei muito do trabalho da capa! Chama atenção sem dúvidas. Adorei a resenha e espero não demorar para ler a obra. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá!!

    Adoro o gênero e claro que já acrescentei na minha lista! Adorei a resenha! Me interessou muito a parte que se passa na Somália
    Confesso que fiquei muito curiosa com a escrita da autora, ainda não li nada e como gostei muito da premissa desse, vou procurar ler.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Deh!
    Apesar da sua resenha altamente positiva, e u não me senti atraido pela sinopse não. Mesmo com tantos momentos de ação e adrenalina, o gênero do livro não é meu tipo. Me pareceu um romance policial com uma pitada mais quente não sei. Curti não :( Dessa vez infelizmente vou passar. Mas que bom que foi uma leitura tão prazerosa.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    ainda não conhecia a autora e o livro, mas fiquei bastante curiosa! Adoro livros em que nos apaixonamos pelo amadurecimento dos personagens!!
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  6. Oiii!!

    Eu não conhecia esse livro ainda e nem a autora, mas eu adorei! Sério, muito legal ler sua resenha e entender todo seu entusiasmo, e fiquei mais encada por saber que a escrita da autora evoluiu durante o decorrer da história.
    Dica anotadinha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li Adorável Cretino da autora, mas ele está na lista. Porém, confesso que depois de ler sua resenha estou pensando em começar por esse livro e não o outro.
    acho que ele está mais para o que procuro no momento. Fiquei com um certo receio quando você disse que os personagens não são dos mais cativantes mas ver que eles amadurecem me fez pensar que talvez eles não cativarem de cara seja o maior objetivo, ou será que estou enganada?
    Bom... Só posso dizer que quero muito ler o livro!!!!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  8. Oi
    Tudo bom?
    Não conhecia a autora, mas adorei o livro!
    Sua resenha super me conquistou, vou procurar para ler!
    Obrigada pela dica
    Bjos

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Nossa que resenha essa??
    Eu admito que não conhecia a autora, mas fiquei muito feliz de saber que seu trabalho está em vários gêneros maravilhosos de livros e que ela consegue fazer histórias maravilhosas em cada gênero em que se aventura.
    Eu adorei o livro, a capa está maravilhosa e sinceramente fiquei mega ultra curiosa com a história em si.

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Muito bacana! Eu tenho o Adorável Cretino e ainda não li... sou dessas. >.<
    Não conheço muito da Camila, mas achei muito legal essa coisa dela não se prender a um só gênero. Acho um desafio muito bacana e quando o autor consegue fazer isso é sempre muito legal.
    Curti a história de Laura, quem sabe futuramente eu consiga ler.
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  11. Oie
    não é um livro que me atrai mas parece ser bem legal para quem curte esse tipo de leitura, espero poder indicar a alguns amigos

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. OOi!
    Não conhecia o livro, mas apesar da capa, que não curti muito, gostei bastante da premissa e já quero. haha. Dica mais que anotada. :)

    Beijoos!

    ResponderExcluir
  13. Oie...
    Nossa... eu não conhecia a autora, nem o livro. Mas gente... que da hora haha
    Esse é o tipo de livro que eu realmente adoro...
    Anotei a sua dica.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir