Resenha: Alice e as Armadilhas do Outro Lado do Espelho - Mainak Dhar


Título no Brasil: Alice e as Armadilhas do Outro Lado do Espelho
Título Original: through the killing glass - Alice in deadland book II
Autor: Mainak Dhar
Páginas: 256
Ano: 2016 
Editora: Única Editora




Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? Eu espero que sim, pois hoje trago a resenha de um livro bem diferente de tudo o que estou habituada a ler e resenhar aqui no conchego. Li em parceria com a Editora Única, e o que achei você descobre agora.

(atenção, essa resenha pode conter spoiler do livro 01)


Em Alice e as Armadilhas do Outro Lado do Espelho, o livro II da trilogia Alice in deadland, temos Alice como a rainha do recém-fundado país das Maravilhas, que desfruta de uma aparente paz depois do confronto com a Rainha Vermelha.

Tudo está indo bem, Alice é uma governante bastante presente e responsável, pois cuida tanto dos humanos quanto dos Mordedores que são extremamente leais a ela. Porém, Alice, mais do que ninguém, sabe que um novo confronto está para se iniciar.

capa brasileira
Através das tecnologias que conseguiram resgatar do período antes da Insurreição, eles fazem contato com um outro país que também está sofrendo ataques da guarda vermelha, os Estados Unidos. Assim, temos uma visão mais ampla do que realmente aconteceu no mundo após os desastres relatados no primeiro livro da trilogia, o que foi um ponto positivo.

Preocupada com o que está por vir, Alice decide manter as tropas em alerta, enquanto que Arum, um dos seus conselheiros, acha que eles devem retirar as tropas, uma vez que está tudo em paz e a população se incomoda com a presença dos militares. Porém, um ataque extremamente violento a uma excursão de alunos à reserva dos mordedores reacende uma chama de ódio no coração de toda a população.

Alice não pode acreditar que seus mordedores fizeram tamanha atrocidade e, mesmo não podendo chorar como deseja naquele instante, ela sofre ao ver que a paz que demorou tanto a ser instaurada entre as duas espécies foi quebrada. Como quer evitar um novo conflito entre mordedores e humanos, ela pede para que o Chapeleiro e o Orelhudo guiem os Mordedores para seus túneis e se mantenham escondidos até que ela consiga entender o que, de fato, aconteceu.

Assim, Alice e Satish, seu leal amigo e guarda, embarcam em uma jornada através do Espelho em busca de respostas sobre os ataques ao país das Maravilhas e as coisas começam a ficar muito estranhas quando ela percebe que realmente não eram seus mordedores, mas não deixavam de ser mordedores... Porém, estes são cruéis e não lhe devem lealdade.

Assustador, agoniante e um milhão de outras coisas, Alice e as Armadilhas do Outro Lado do Espelho conseguiu me fazer ter inúmeras sensações durante a leitura. Eu não esperava por uma continuação assim, mas posso dizer que ela foi muito satisfatória.

Então vocês devem estar se perguntando o motivo de eu não ter dado nota máxima ao livro e bem, eu vou dizer o porquê.
capa estrangeira

O livro demora para realmente fluir, eu não sei, não consegui me identificar logo de cara com essa Alice hibrida e rainha que anda livremente pelo país de bicicleta. Realmente, achei-a um pouco fora do contexto do livro; deixo claro que é apenas a minha opinião e minhas impressões enquanto estava lendo, logo, você pode discordar totalmente de mim. Também achei o enredo muito lento, confuso e muitas vezes parecia que não tinha propósito, até que finalmente voltava a fazer sentido. Tudo parecia superficial demais, e apesar de ser um livro com uma mensagem muito incrível, do tipo: nós tendemos a demonizar tudo aquilo que não compreendemos, eu acho que deixou a desejar em vários aspectos. Por exemplo, as referências a obra de Caroll pareciam mais interessantes do que o livro em si... Enfim...


Acho que é isso, pessoal, por estes motivos dei nota 3, mas digo que gostei bastante do final. Para mim, não precisava ter livro 3, acho que tudo o que tinha que ser dito já foi dito neste volume. Indico para todos aqueles que estão procurando uma distopia totalmente diferente para ler e para quem aprecia histórias com zumbis!
Até a próxima!


Sinopse: Você está pronto para as armadilhas do outro lado?
Mais de dois anos se passaram desde que Alice seguiu um Mordedor com orelhas de coelho e entrou em um buraco, o que deu início a uma série de acontecimentos que mudaram a vida dela e a de todos que moram no País das Armadilhas. A Guarda Vermelha resolvera conceder trégua; Alice havia reinstaurado a paz entre humanos e Mordedores e, sob a liderança dela, os humanos tinham conseguido fundar a primeira comunidade real e verdadeiramente organizada desde a Insurreição — uma cidade chamada País das Maravilhas.
Entretanto, o aparente estado de paz é rompido depois de diversos ataques dos Mordedores e Alice se vê rejeitada pelas mesmas pessoas por cuja liberdade ela lutou. Agora precisa voltar ao País das Armadilhas para desvendar essa nova conspiração que ameaça o País das Maravilhas. E fazer isso significa ficar frente a frente com sua maior e mortal adversária — a Rainha Vermelha.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário