Conchego Hot: Vanir - Lena Valenti

O fim do mundo em versão (hot) espanhola




Título no Brasil: -
Título Original: Vanir
Autor(a): Lena Valenti
Editora: Paperback (espanhol) (A Universo dos Livros comprou os direitos)
Ano: 2010 - 2014
Páginas: -

Eram os deuses astronautas? Para, errei de livro. Esse é 1968, escrito pelo suíço Erich von Däniken, que teorizava se a Terra havia sido colonizada por extraterrestres.

Em VanirLena Valenti nos apresenta as lendas nórdicas de criação do Universo. Isso foi o spoiler do milênio. Porque ela só conta isso no final livro 1. Pois é.
Então vamos tentar mais uma vez.

Na saga Vanir, Lena Valenti nos apresenta seres místicos e maravilhosos: homens e mulheres de beleza extraordinária, poderes inimagináveis e uma nova teoria para o aparecimento de vampiros e lobisomens.

São oito livros que narram a luta de seres místicos para evitar a destruição da Terra (Midgard) e a vitória das trevas. Na guerra contra Loki, vale tudo para superar em força e estratégia os guerreiros do mal, vampiros sem alma e consciência e lobisomens cruéis, que enxergam os humanos como pasto.

Se o véu se rasgasse e você pudesse escolher com quem lutar, de qual lado estaria? Eu ficaria do lado que não visse como fast food! De verdade, não me pareço com um lanche gorduroso.

Dando uma olhada em cada um dos livros:


Livro 1 – O Livro de Jade: Eileen, a linda e protegida filha de um milionário excêntrico, uma menina doente que precisa de um médico particular e de injeções para controlar sua diabetes.
Caleb um imortal que jurou destruir a organização que está caçando seus irmãos.
Já ouviram falar em C4? É o encontro desses dois, porque quase nada é o que parece ser. E depois que Caleb sequestra e tortura a pobre órfã inocente, ela tenta arrancar as entranhas do cara. Finalmente uma mocinha que é idiota, mas não é imbecil. 


Atração, desejo... são coisas distintas do amor, Caleb. São qualidades que funcionam na cama, mas não para criar um verdadeiro vínculo fora dela. pág, 134, livro 1 (tradução livre)





Livro 1.5 – O Livro do Leder: Fogo em nível máximo. Esse “bônus” é a história As, o líder de um poderoso clã e avô extremoso, e María, uma sacerdotisa da Deusa. Sério, pequeno e quente. Pena que não dá para ler apenas ele.





Livro 2 – O Livro da Sacerdotisa: Toda mulher tem uma amiga romântica. Eileen não é diferente. Ela tem uma amiga super romântica. Mas que não pensa duas vezes antes de lutar por sua independência. Ruth tem um dom único e raro para uma humana pura. Mas isso não faz com que seja mais fácil conviver com Adam, um Berserker lindo de viver e turrão, bruto e mal humorado. Romance soltando faíscas. Eu gostaria mais da mocinha se ela tivesse conseguido manter o fluxo sanguíneo no cérebro. 










Livro 3 – O Livro da Eleita: Daana e Menw. Gente, o que eu chorei com esse livro. Como é que pode a “pessoa” viver dois mil anos e não conversar? Mas um dia eles conversaram, se acertaram e o livro pegou fogo. Literalmente. 







Livro 4 – O Livro de Gabriel: O livro 3 é duro, triste, sofrido. Derrama o coração. O quarto é para redimir quem conseguiu chegar ao final do 3. Tudo que chorei com o dois e o três eu tive raiva no quatro. Gab pode ser um humano inteligente e ter sido escolhido pelos deuses para ajudar na guerra contra o mal, mas o cara é tapado. Ainda bem eu a doce Gúnnr é teimosa. Meio burrinha e chorona para uma Walkyria, mas sua teimosia será recompensada.






Livro 5 – O Livro de Miya: Um samurai que perdeu o coração é capaz de lutar contra sua própria família? Pode ele entender as mentiras e segredos do passado e confiar novamente nas pessoas? Mais precisamente, em uma Walkyria desbocada e cheia de atitude?
Melhor mocinha da saga. A menos submissa e burra. Porém é a que mais sofre. Ou quase.





Então, amava sua Hanbun com toda sua alma e o sentia tão veraz quanto podia olhar sua valkyria toda a vida e não cansar-se disso. Pág. 306, livro 5 (tradução livre)

Livro 6 – O Livro do Alquimista: Dois mil anos sem sentir absolutamente nada. Para piorar, nem morrer você pode, porque você é um imortal.
Cahal sofreu por dois mil anos a maldição de não sentir nada. Fome, sede, frio, dor, desejo, amor, prazer... Nada. Até que conheceu sua companheira de vida. E agora ele sente tudo. Principalmente a dor que ela inflige a ele. Tudo o que ele quer, é fazê-la pagar pela dor que ela causou.
A mocinha estava indo bem, aí o cérebro dela derreteu, fritou, sei lá... 
 





Livro 7 – O Livro de Ardan: Certo, eu detestei todo o livro. Não conseguia mais torcer para as coisas darem certo, queria que Loki e seus asseclas explodissem a Terra e livrassem a humanidade de mulheres idiotas. Ardan é tudo o que mais detesto em um homem: cego, surdo, burro, violento e só percebe o próprio umbigo. Bryn é o protótipo de Amélia. Abriu mão da vida, do amor e da liberdade em nome de outra pessoa. Se anulou.
Pena que esse tomo é fundamental para a conclusão da história. Caso contrário eu diria para pularem. E não tem nada a ver com o fato de Ardan ser chegado em DS.


Hoje, já não luto pelo homem que amo; brigo contra ele. Hoje, minha admiração se tornou indiferença. E, hoje, perdi para sempre o coração que entreguei para ele. Pág. 212, livro 7 (tradução livre)

E cheguei no último livro. 

Livro 8 – O Livro de Noah: Se eu chorei com o livro 3, aqui eu desidratei. A conclusão da saga é ... inteligente, instigante, visceral.
Noah é lindo, inteligente, romântico. Quase doce. Quando conhece e se envolve com a escolhida dos Deuses, a intocável Nanna, ele se perde. E se encontra.

A luta por Midgard rolou em cada um dos livros, mas não quis falar sobre ela, porque ela deixa baixas, algumas muito dolorosas. Outras, de rasgar o coração. E Midgard, a Terra, nosso planetinha, que é um brinquedo dos Deuses...
 


Resumo da Ópera? Corram até a Amazon e comprem, pena que só tem em inglês e espanhol, nada de português. A Lena arrasou de primeira, essa saga foi a apresentação dela, na segunda publicação – resenha já programada – ela simplesmente desbancou E.L. James, tornando-se a escritora mais vendida na Espanha.

Comente com o Facebook:

29 comentários:

  1. Oi Bel.
    Estou curiosíssima para conferir essa série. Algumas leitores comentaram que ela é maravilhosa.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia,

      a Lena escreve super bem, eu acho que vale a pena uma conferida sim, mas sou suspeita, porque gosto muito do estilo dela.

      Excluir
  2. Nossa, que diferente!
    Pena que só em inglês e espanhol. Podia ser lançado físico no Brasil. Vou torcer para que isso aconteça!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bianca, a Universo dos Livros comprou os direitos, espero que façam uma tradução a altura da qualidade da obra, porque é complexa e cheia de termos que não merecem ser simplesmente traduzidos, mas explicados. Enfim, sou fã chata! rsrsrsrs
      Levei meses para conseguir ler em espanhol.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Aaaaaaaaaaaaaaaaamo Vanir!!! Quando conheci li um atrás do outro, e olha que não sou fã de pdf.
    Tem também o El Libro de los Bardos, que é o nono livro, esse foi o único que eu ainda não li.
    Bem que a Universo dos Livros, que ano passado finalmente comprou Amos e Masmorras da Lena, podia comprar Vanir tb, né? Ela tem muitos fãs por aqui e todos ficariam loucos. <3
    Bjos
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está certíssima, eu li e comentei o Livros dos Bardos, não sei porque não coloquei aqui. Cúmulo da lerdice! Eu ganhei a coleção completa, antes de ser presenteada com Amos e Masmorras e tenho certeza que a pessoa nunca mais de dará um livro em espanhol. Ela praticamente fez uma tradução para mim rsrsrsrs

      Excluir
  5. Aonde eu estava enfurnada que nunca tinha ouvido falar dessa série? Pirei aqui! Já quero todos!
    http://www.starbooks.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nádya, estou feliz, capturei mais uma viciada em Lena... Depois do primeiro você vai querer todas as séries e livros e publicações! Vai por mim, ela é viciantes.

      Bem-vinda ao mundo de Lena!

      Excluir
  6. Aonde eu estava enfurnada que nunca tinha ouvido falar dessa série? Pirei aqui! Já quero todos!
    http://www.starbooks.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Dá vontade de ler só por estar em espanhol, idioma que amo. Ando meio saturada de hots, mas esse eu achei bem interessante e original.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamilla,

      ele só entrou na sessão hot porque as cenas de sexo são de deixar os olhos em chamas - no bom sentido. Aliás, dá para tirar todas e o livro ainda faz sentido e continua grande, porque ele não gira em torno do tema. Coisa muito boa essa. Ter história além de um mero lugar para descrever cenas e mais cenas enfadonhas de sexo. Quando não dava sorte de pegar livros assim eu também tinha desistido de livros hot!

      Excluir
  8. Oie, pelo que pude perceber é uma série bem hot mesmo hehehehe, não é muito a minha praia.
    Se a Universo dos Livros comprou, com certeza vai bombar.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helana, o que mais gosto é que se criou um preconceito tão grande com relação ao termo hot que não interessa que é um livro focado no sobrenatural. A definição dele é "é hot, não leio".

      Eu espero que bombe mesmo, porque a parte da lenda nórdica de criação e de destruição do mundo é melhor explicada que em Thor!

      Excluir
  9. Olá.
    Huahuahua adorei o "Finalmente uma mocinha que é idiota, mas não é imbecil." e os comentários sobre as mocinhas.
    Mas hot não é minha praia, e acho que vou ficar um pouco irritada com as mocinhas.
    Beijos

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daniele, tente um pelo menos, vai que você curte! Porque vou ser sincera com você, tenho uma lista de mocinhas idiotas para assassinar. Não aceito mulher que engole qualquer coisa só porque o cara é um cara!

      Excluir
  10. Gosto de histórias sobrenaturais, mas extraterrestres não é meu forte. O único que li com uma temática parecida foi A Hospedeira e quase não termino o livro. Enfim, obrigada pelas dicas.
    Beijos :*
    treslivrolatras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, pelo seu comentário só posso presumir que você leu a primeira frase e parou por lá. São deuses nórdicos e humanos - além de valkyrias, vanírios e berserkeres - os personagens centrais dos livros... enfim...

      Excluir
  11. Oii,

    Nossa achei legal essa série hein.
    E eu nunca tinha ouvido falar nela.
    Já vou procurar para ler.

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série é ótima, pesada e cheia de cenas revoltantes, mas é ótima. Em algum momento as mocinhas colocam os mocinhos em seus lugares rsrsrs. Acho que deve dar uma chance sim. Vai que você gosta ;)

      Excluir
  12. Caraca! Não tinha conhecimento da série, porém, já quero lê-la.

    Beijos da Fê
    As Catarina´s / Fanpage / Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fê, pelo visto conquistei mais uma fã para Lena rsrrsrs

      Excluir
  13. Oi

    Minha nossa que post incrível. ..
    Não conhecia essa saga mas já me apaixonei. ..Adoro o gênero e adoro séries, quanto maior melhor. ..

    Amei a tua indicação.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Denise, que bom que gostou. Fico feliz em saber que alguém se interessou por um livro que gosto. Depois passe por aqui e me diga o que achou.

      Excluir
  14. Oi

    Minha nossa que post incrível. ..
    Não conhecia essa saga mas já me apaixonei. ..Adoro o gênero e adoro séries, quanto maior melhor. ..

    Amei a tua indicação.

    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Olá!!
    Não conhecia esses livros, estou muito desatualizada.

    Salvei essa resenha aqui nos favoritos para futuras pesquisas.
    abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estamos tão acostumados a prestar atenção nos lançamentos e autores norte-americanos que nos surpreendamos com a qualidade dos latinos. Vale a pena dar uma chance aos livros.

      Excluir
  16. Oi, Bel
    Nossa, envolve mitologia Nórdica? Parece ser legal, mas o fato de ser HOT me repele um pouco kk Não gosto.
    Enfim, parece ser um prato cheio para quem curte.

    Beijo,
    João Victor - De cabeça para baixo | All POP Stuff

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se Thor fizesse sexo com alguém ninguém viraria o nariz. Ser hot não é ser ruim, quando bem escrito. Livros para e sobre adultos podem ter cenas de sexo.

      Excluir