Resenha: Ela Quer Te Encontrar e Te Fazer Feliz


Título no Brasil: Ela Quer Te Encontrar e Te Fazer Feliz
Autor (a) Nacional: Ed Fischer
Editora: Novo Século
Ano: 2014
Páginas: 168




Olá pessoal,

Hoje vou trazer a resenha de mais um livro nacional, o primeiro romance do autor Ed Fischer. Por ser um livro com poucas páginas, acabei em um dia.

Vamos conhecer Gustavo, um homem que tem uma visão da vida totalmente diferente da minha: ele não disfarça em nenhum momento que é um homem egoísta, impaciente com tudo ao redor e não é amigo de ninguém. O seu maior foco é a sua ambição.

Como desde novo sempre quis o melhor, atualmente é um homem que tem um bom padrão de vida perante a sociedade, é concursado e ainda cuida da sua estética. Por ser um bom profissional, o seu chefe convida-o para ser transferido para uma outra unidade da empresa, que fica em outra cidade.


Como não tinha parentes e via que seria melhor para a sua profissão, Gustavo aceita a transferência. Mas antes disso acontecer, uma mulher misteriosa aparece e é a única pessoa com quem ele consegue se abrir. Assim, eles conversam sobre tudo o que você possa imaginar, do cotidiano até a espiritualidade. 

Sempre que Gustavo precisa de alguma ajuda, a mulher misteriosa aparece e eles conversam, muitas vezes esclarecendo e ajudando alguma dúvida que ele tem sobre o seu dia a dia. Mesmo depois que ele muda de cidade, a mulher continua aparecendo. 

No começo pensei que fosse um sonho ou algo parecido, pois sempre que ele precisava da sua ajuda, ela aparecia. Ele não sabia o nome da mulher, mesmo insistindo e perguntando, ela sempre desconversava e dizia que no momento certo ele saberia. Mas não se preocupe leitor, no final do livro o autor esclarece esse mistério e, para mim, foi algo bem diferente.

Além de todo esse mistério, Gustavo esconde um segredo que só vai ser apresentado lá na frente e a mulher misteriosa vai fazer de tudo para ajudar. Eu fiquei angustiada querendo saber que segredo era esse e como sou péssima em descobrir segredos, claro, não acertei rs. E o autor em nenhum momento dá uma dica e nos deixa ainda mais ansiosos rsrs.

Mesmo sendo um livro cheio de aprendizado, uma narrativa interessante, acho que faltou algo. Não sei se foram as conversas de Gustavo com a mulher que achei muito filosóficas ou uma narrativa um pouco lenta... Não sei! O que gostei de verdade, foi que o autor quis trazer algo religioso e mostrar, de alguma forma, como o personagem vai tentar conseguir a felicidade.

Como diz na sinopse, não é um livro de receitas para se viver melhor, mas aponta alguns caminhos a percorrer, alguns obstáculos a superar, e é assim que Gustavo vai tentar fazer.


Quer acompanhar o autor nas redes sociais, então basta seguir:








***
Sinopse da Contracapa: Gustavo é um típico homem pós-moderno. Ele possui um segredo e é levado, pelas suas insatisfações e por alguns acontecimentos de sua vida, a trilhar um novo itinerário em busca da felicidade. Uma linda e misteriosa mulher, que ele conheceu enquanto caminhava desolado devido à perda de um amigo, irá ajudá-lo nesta jornada. Mas quem é ela? E o que, de tão grave, esconde Gustavo?
Ela quer te encontrar e te fazer feliz leva à reflexão sobre uma das questões mais significativas do homem: como alcançar a felicidade? Não é um livro de receitas para se viver melhor, entretanto, aponta alguns caminhos a percorrer e alguns obstáculos a superar, impostos pela própria existência humana e pelo próprio dia a dia de cada um.

Comente com o Facebook:

27 comentários:

  1. Que livro diferente.
    A capa é bonita.
    Fiquei curiosa com essa mulher misteriosa, como ela surgiu e porque. E qual é o segredo dele. Mas só de saber que o livro traz um desenvolvimento legal para o personagem, e encontrar a felicidade é primordial. Vou colocar na minha lista.

    ResponderExcluir
  2. Não despertou meu interesse :(
    Não sei... acha que vale mesmo investir nele?

    ResponderExcluir
  3. Que legal, um nacional :)
    Eu sou meio preconceituosa com livros em que as pessoas precisam de total ajuda das outras para superar obstáculos (exceto os que tratam de limitações físicas, seria incoerência), ele parece ser assim. Não sei se é mesmo, foi uma impressão que tive.
    Mas a história não parece ser ruim. Um bom mistério sempre me deixa com vontade de ler as coisas
    Eu acertei quase todos os culpados dos livros de Dan Brown kkkk quer dizer que sou boua né?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, somos completamente opostas.
    Eu ia bem, achando o livro ok, até vc falar que gostou do autor ter trazido algo religioso.
    Eu odeio livros com esse perfil.
    Ainda bem que você comentou isso no fim, pq assim eu sei que não devo nem chegar perto desse livro. Beijo

    ResponderExcluir
  5. Nossa, somos completamente opostas.
    Eu ia bem, achando o livro ok, até vc falar que gostou do autor ter trazido algo religioso.
    Eu odeio livros com esse perfil.
    Ainda bem que você comentou isso no fim, pq assim eu sei que não devo nem chegar perto desse livro. Beijo

    ResponderExcluir
  6. OIe, tudo bem?

    A capa e a sinopse da obra são bem interessantes. Mas te confesso que a trama não me despertou muito entusiasmo para lê-la. No entanto, acho que só posso ter uma opinião verídica se eu der uma chance a ele, né?! Quem sabe, se surgir uma oportunidade... hahahahah
    Sua resenha está incrível, como sempre!

    Beijos,
    Dai | Blog Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  7. Olá querida, tudo bom?

    Gostei bastante dessa resenha, pois foi bem direta sobre o livro. Através dela percebi que não é um livro que eu gostaria de ler muito, por ser lento e um pouco filosófico. Apesar disso, por ser pequeno, talvez eu leia para saber se sua opinião combina com a minha ;) hahaha

    Enfim, obrigada pela dica mesmo assim!

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. tá e quem é a mulher? nenhuma dica??? maldade sabia?
    a capa é bem interessante e a tua resenha está bem legal, mas não sei se leria, por não ser um estilo que eu goste...
    vamos ver, fiquei meio em dúvida aqui, confesso, pois fiquei bem curiosa pelo desenrolar da história...

    hehe

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Olá, para ser sincera esse não é o tipo de livro que me chama a atenção, por isso eu não sei se leria ele no momento, talvez mais para frente eu posso dar uma chance. Mas parabéns pela sua resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi Daya, menina eu não conhecia o livro mas pelo nome do autor eu pensei que fosse estrangeiro rsrsrs

    Bom, fiquei curiosa com o livro e esse mistério envolvendo a tal mulher, já comecei a maquinar minha cabeça e penso que ela é um fantasma rs ou o algum espírito que quer ajudar alguém antes de descansar em paz, sei lá. O fato de ela aparecer nos momentos em que ele mais precisa, é muito curioso, alguém mais a vê ou só ele? se mais pessoas virem, talvez ela possa ser a mãe que ele não conheceu, uma parente kkk viu que viajei mesmo né! mas fiquei intrigada com esse livro e vou querer ler pra tirar essas dúvidas

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Eu não conhecia o livro e nem o autor.
    Fico feliz por não ser um livro de auto-ajuda, não costumo lê-los, achei a premissa interessante e fiquei super curiosa sobre essa mulher misteriosa, o que será que ela é? E porque fica aparecendo para ele?
    É uma pena quando lemos um livro, acabamos gostando, mas sentimos falta de algo. Eu gostei de as conversas do Gustavo e a mulher serem filosóficas, sinto falta disso em alguns livros.

    Beijos,
    http://entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiii!

    Eu não acredito em receitas para vida, mas acho que sim, a leitura pode nos influênciar a ser uma pessoa melhor. O livro tem poucas paginas e acho que os diálogos filosoficos foram propositais.
    Para nos fazer pensar mesmo.
    Não é uma livro que leria no momento, mas não o descarto.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Ah eu tinha visto este livro por aí mas nunca tinha lido nada a respeito dele. Parece um tema legal de livro e a capa é bonita e quanto ao que você comenta acho que é uma história sobre alguém que aparece para fazer esta pessoa mudar um pouco a sua personalidade ou o jeito de agir com as pessoas, não? Imagino que seja isso.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bom?
    Não conhecia esse livro, mas me pareceu ter um tema muito legal. A capa é bem bonita também! Não sei se leria, mas acho que uma leitura pode nos influenciar muito em alguns aspectos. Parabéns pela resenha.

    Beijos, Roberta

    ResponderExcluir
  15. Olá! O livro tem um enfoque diferente, não é o tipo de história que me atrai, mas essa me pareceu interessante! A capa é linda e sugere diversos detalhes, fiquei curiosa para saber como se desenvolve e qual o segredo de Gustavo.
    Abraço!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Bom dia!!! Poxa não sou boa em descobrir segredos.da uma dica ai vai.quem e essa mulher?não gosto de homens ambiciosos,mas num sei algo me diz que esse e um tremendo gato e eu piriguete literária rsrsrsrsrs.Vamos la Gu qual e o seu segredo?

    ResponderExcluir
  17. Oi Daya,
    Gostei do colorido da capa, chama a atenção, mas não é um enredo que me prenda atenção, mesmo o autor tendo lhe deixado presa ao mistério e a resolução do mesmo. Não creio que eu vá curtir a leitura, por isso desejo-lhe ótimas leituras e obrigada pela resenha sincera.

    Beijos
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá!!!
    Bom ver que a literatura nacional esta com ótimas obras que podem fazer frente as estrangeiras. A capa é linda e a história parece ser ótima, que prende do início ao fim. E que livro não tiramos coisas para no vida e dia a dia.

    Beijos
    Carla Fernanda
    http://livrosqueliblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. OLá! Eu já conhecia o livro desde que foi lançado, mas nunca tinha lido a sinopse ou pesquisado alguma resenha. Não sei se é uma leitura que eu encararia, não gosto muito de livro que não tenham uma leitura mais ágil ou tenham pouca ação. Contudo, acho que muitos se interessariam por ele e estou feliz que seja mais um nacional sendo divulgado!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Oi, Daya! Tudo bem?
    Infelizmente a história não chamou muito a minha atenção. De início, todo o mistério em volta de Gustavo e da mulher parecia interessante, inclusive o que você comentou sobre as conversas deles. Mas acho que o fato de ter ligação com questões religiosas me fez ficar menos empolgada em conhecer, pois costumo não gostar muito de quando histórias definem ensinamentos religiosos aos leitores. De qualquer forma, você escreve muito bem. Adorei seu texto. Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  21. Olá... Daya, tudo bem??
    Eu particularmente não curto livro com pegadas de auto ajuda... mesmo com esse mistério apresentado em cima dessa mulher misteriosa e o segredo do personagem, não me senti curiosa para conhecer a obra, mas eu desejo muito sucesso ao autor... porque esse mistério pode envolver o leitor que gosta desse tipo de leitura... e esse sentimento de que falta algo em minha opinião é normal em livros curtos... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bem??

    Eu sou completamente APAIXONADA por esse livro! Acho a história dele tão rica e tão bonita... Com certeza é um dos melhores livros que li em 2015, e fora que o autor é um querido né!

    Xoxo
    Umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Oiii,
    Ainda não conhecia o livro, achei a capa um tanto simples.. Parece ser um livro bem diferente, com uma pegada de auto ajuda, né? Não curto muito, mas geralmente conversas com tons filosóficos, me prendem bastante, por isso acabei me interessando por esse livro, o bom é que é um livro bem fininho e dá par ler rapidamente, mesmo com a narrativa mais lenta e reflexiva. Fiquei bem curiosa.

    Beijos
    Aline Lima

    ResponderExcluir
  24. Não conhecia o livro, ainda me surpreendo com a infinidade de autores nacionais que nunca ouvi falar, em quase quatro anos de blogosfera literária conheci vários, mas também percebo que há uma quantidade ainda maior para se conhecer, gostei bastante da sua resenha e da premissa do livro, acredito que leria sem problemas. O fato do autor apontar caminhos e fazer com que os personagens passem lições de superação me chamou bastante a atenção.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  25. Oie! Não conhecia o livro, mas achei o título e a capa muito interessantes, porém o enredo apresentado não me conquistou. Mesmo que a sinopse tenha deixado claro que não se trata de um livro de autoajuda, não encontrei nada que me encorajasse a ler. Talvez futuramente eu dê uma chance e crie uma opinião melhor em argumentos. Pena que para você ficou aquele sentimento de falta de algo. Adorei a sua resenha e o modo como explicou todos os acontecimentos, mas, no momento, deixarei passar a indicação. ><

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir