Na cozinha com a Bel: Ratatouille


E atendendo à pedidos, uma receita que, teoricamente, não está em nenhum livro. Ok, Ratatouille, o filme, ganhou versão impressa. São várias as aventuras do ratinho Remy!

Em homenagem à França, o prato de hoje é uma comida típica da Provença; uma mistureba onde não pode ficar de fora a berinjela e o tomate. E, claro, sendo originária do sul da França, muitas ervas de Provence ou ervas finas podem ser usadas.

Calma, calma. Já, já falarei sobre essas ervas.

Antes, vamos à receita original de Ratatouille. Que é um prato bárbaro e fácil (um assombro, pensando em termos de culinária francesa)


Ratatouille clássico


  • Ingredientes para 8 pessoas:

4 colheres (sopa) de azeite de oliva
3 dentes de alho amassados (se gostar do sabor mais acentuado, acrescente mais dois dentes)
3 cebolas, picadas (não gosto muito de cebola, então eu ralo bem fininha ou então corto em rodelas pequenas e depois pico o menor possível)
3 berinjelas descascadas e cortadas em cubos (se quiser, não precisa descascar não, basta lavar muito bem a casca)
6 abobrinhas, descascadas e cortadas em cubos (idem ao de cima!)
3 pimentões vermelhos picados (eu acho que três pimentões é um pouco demais, pode colocar um pimentão vermelho e um amarelo. Se gostar muito de pimentão, aconselho a cortar em tiras finas, dá mais sabor)
400 g de polpa de tomate
Sal e pimenta-do-reino em pó a gosto
50 g de manjericão fresco picado


  • E agora alguns toques especiais! As Herbes de Provence ou Ervas de Provence ou como um ex costumava falar: “monte de mato”.


O nome é pomposo, mas é apenas um monte de ervas secas que ajudam a dar um toque muito especial aos pratos. Já usei até em bolo de chocolate e café. Como é difícil de encontrar as ervas separadas aqui no Brasil, os sortudos que moram em grandes centros têm a opção de comprar pronto nos mercados. 

Como nenhum fabricante me patrocina, não vou citar nomes!

A mistura inclui: tomilho, a manjerona, o orégano, o alecrim, o manjericão-de-folha-larga, o funcho, o cerefólio, o estragão, o loureiro, a satureja, a lavanda (sim, essa mesma, que dá cheirinho e vira perfume!). Tudo seco e muito bem misturado. Guardado em potes de vidro, com tampas herméticas.


  • Modo de preparo do Ratatouille:


Em uma panela de fundo largo, aqueça o azeite, em fogo médio. Refogue o alho e (pequeno truque para dar mais sabor) branqueie a cebola – isso quer dizer que vai adicionar a bonita e mexer até ela clarear, está branqueada e com sabor (não gosta de cebola, espere o final da receita e vou dar outro truque). Adicione os legumes bem lavados e cozinhe em fogo baixo por 30 minutos, mexendo de vez em quando.

Acrescente a polpa de tomates e cozinhe por 10 minutos. Tempere com sal e pimenta. Polvilhe com o manjericão fresco picado antes de servir.

Como eu falei acima, não gosto de cebola. Então para evitar “mastigar” aqueles pedaços crocantes eu pico bem pequeno e deixo por uns 10 minutos em água morna com gotas de limão. Ela perde a crocância e a ardência.

E você pensa que acabou? Errou feio. Pesquisando minhas anotações – são 15 livros de receitas coletadas por mim. Todas testadas e algumas reprovadas! Encontrei uma receita de Torta rústica de ratatouille. Vamos tentar essa também?


  • Ingredientes Para a massa:
1 ovo
100g de manteiga gelada
1 colher (chá) de sal
1 e 1/4 de xícara (chá) de farinha de trigo
Recheio:
1 berinjela pequena
1 abobrinha média
3/4 de xícara (chá) de tomate-cereja
1 talho de alho-poró sem as folhas verdes
1 pimentão amarelo
1 cebola média
4 dentes de alho
Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
8 colheres (sopa) de azeite


  • Montagem:
2 ramos de tomilho fresco
2 ramos de alecrim fresco
1 gema (para pincelar)
1 colher (chá) de água


  • Modo de preparo
Massa: Peneire a farinha e o sal em uma vasilha grande. Corte a manteiga (gelada) em cubos e transfira para a tigela. Usando as pontas dos dedos, misture até formar uma farofa, sem deixar a manteiga dissolver completamente. Dessa forma, a massa ficará crocante (Em meus momentos preguiça, coloco tudo no processador e funciona do mesmo jeito). Acrescente o ovo e trabalhe a massa apenas até formar uma bola. Envolva com papel filme e leve à geladeira por, no mínimo, uma hora.

Recheio: Corte a berinjela e a abobrinha em rodelas de um centímetro. Corte os tomates cereja ao meio e fatie o alho-poró finamente (evito usar muito porque aqui em casa o povo é fresco). Corte o pimentão em tiras finas.

Agora a parte chata: Descasque a cebola e corte em quatro partes e descasque os dentes de alho.
Arrume as rodelas de berinjela em uma assadeira retangular grande e cubra com três colheres de azeite. Leve ao forno preaquecido para assar por 15 minutos. Retire e junte o outros ingredientes. Tempere, regue com mais azeite, misture bem, mas com delicadeza e volte ao forno por pelo menos 30 minutos. Pronto. Agora deixe amornar (se colocar a mistura quente na massa, vai encruar)

Montagem:Retire a massa da geladeira. Abra a massa e forre o fundo e as laterais de uma forma redonda, deixando as bordas para fora. Acrescente o tomilho e o alecrim aos legumes, coloque a mistura sobre a massa e dobre as bordas por cima. Em uma tigelinha, misture a gema com água. Pincele a massa e leve ao forno por 45 minutos ou até dourar.
Sirva quente ou em temperatura ambiente.

Gostaram? Então mandem mais sugestões, pedidos, dicas. Tenho receitas que não acabam...
Até a próxima!

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Oba! Minha sugestão foi atendida! E que receita fácil de fazer, não é atoa que todo mundo ficou assombrado quando o Rémy resolveu serviu um prato tão simples ao Anton Ego, afinal de culinária fina como a do Gusteau's isso não tem nada. rss

    Mas, pela reação do Ego, acho que a decisão foi acertada.

    Abraços, e obrigado pela receita.

    Alessandro Bruno
    www.rascunhocomcafe.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço querido! E peço desculpas pela demora em atender seu pedido... o próximo será mais rápido. rssrsrs

      Excluir
  2. Aii, adoro esse desenho! rsrsrs
    Sempre imaginei que a receita era algo mirabolante, mas é super fácil, né?! Adorei :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna, aqui cruzando os dedinhos para resposta ir dessa vez! rsrsrsrs
      Sim é fácil e gostoso. Fica bom comer com pão também...

      Excluir