Resenha: Escolhas - Cristina Valori


Título no Original: Escolhas
Autor Nacional: Cristina Valori
Editora: Qualis
Ano: 2015
Páginas: 254



Olá leitores,


Comecei esse livro sem saber o que esperar, quando comecei e vi uma coisa que não gosto, não suporto e não aceito, parei!! Fiquei um dia sem ler, mas resolvi voltar e ver como continuava. Ainda bem que voltei para ler!!! Porque foi um livro que comecei com raiva, depois veio a tristeza e no final a esperança.

Não sei se você que leu ou pretende ler teve ou vai ter essa mesma impressão. Escolhas é narrado por Fabiana como se ela estivesse nos contando a sua vida, coisas que aconteceu no seu passado, tipo um diário. Pude sentir tudo que ela passava e a mesma ainda dizia, você pode estar com raiva de mim - e eu estava mesmo, fiquei em vários momentos. 

Fabiana é uma mulher que casou muito jovem e com trinta anos é mãe de três filhos, casada com um excelente marido, tinha tudo que uma vida poderia te proporcionar e quem via de fora, enxergava uma mulher feliz e realizada. Mas nem todo mundo é feliz com o que tem e quer sempre mais ou coisas diferentes.

"Destino? Pode ser. Eu acredito em destino. Tentação? Ah, claro, estamos sempre cercados pelas tentações. Escolhas? É, esse é o meu lema. "A vida é feita de escolhas". Mas, e se a escolha for errada? E se não? Eram tantas perguntas, tantas dúvidas." Pág 9.

A própria Fabiana fala que em certos momentos vamos sentir raiva dela, desprezo e pena. Eu passei por tudo isso, mas no final pude entender tudo que ela passou e lembrar do porque não devemos julgar, principalmente antes de conhecer a verdadeira história.

Um dia Fabiana resolve fazer uma tatuagem e, acompanhada do marido e dos cunhados, vai em um estúdio; mas com um problema de agenda ela acaba indo fazer a tatuagem com outro profissional. E é aí que começa o problema. 

Esse "outro" tatuador, Gustavo, não consegue tirar os olhos dela, como se tivesse algo que o hipnotizasse ou como se eles já se conhecessem e Fabiana sente a mesma coisa. Acho melhor parar por aqui para não dizer nenhum spoiler.

Eu fiquei encantada, deslumbrada e apaixonada pelo marido de Fabiana. O amor que ele sente pela esposa é lindo, verdadeiro e real. E chorei junto com ele, cada momento que passou. 

Não estou aqui para julgar, mas não posso negar que não consegui evitar isso em alguns momentos. Ao menos ela em nenhum momento deixou a culpa de lado, aceitando o erro que cometeu como sendo responsabilidade dela. 

Gustavo foi um homem que no decorrer da história vi que simplesmente queria lutar pela própria felicidade, mas respeitava as decisões alheias tomadas, não ultrapassando as barreiras impostas e esperando o momento certo para agir. 

A autora tem uma escrita maravilhosa e quero muito ler seus próximos livros. Conseguiu colocar na história de tema complexo e que não agrada a todos, uma leitura cativante e emocionante, tanto que quando retornei a leitura terminei em um dia. E acaba sendo mais interessante por não ser uma história mentirosa, já que acontece em muitos lares. No final acabou sendo uma história apaixonante.



Na dúvida, siga o seu coração!!! O meu me mandou voltar a ler e não me arrependi, mas vai que o seu manda diferente, né?



SINOPSE DO SKOOB - Quem determina o que é certo ou errado? Como saber qual caminho seguir? O que nos garante a certeza de ter feito a escolha correta? Será que a razão deve prevalecer ou seguir o coração é sempre o melhor? Você conseguiria viver sabendo que as suas decisões podem mudar tudo? Por que o destino as vezes nos testa?Para Fabiana nada poderia mudar a sua história. Ela sempre teve esta certeza, até que a vida provou que nem sempre é fácil decidir qual rumo tomar. Que o seu coração é quem comanda e a guiará para a decisão correta.Em um sábado como outro qualquer, Fabiana se vê diante de uma situação que mudará a sua estrutura, deixando-a com dúvidas sobre a sua, perfeita, vida. Ela será obrigada a fazer a sua escolha, quando o destino exige uma decisão.Como não se entregar ao verdadeiro amor? Como viver sem se sentir culpada? E por quê? Porque ela estava sendotestada daquela forma?Essas e outras perguntas começaram a fazer parte do seu dia a dia, desde o momento que resolveu seguir os seus sentimentos.E você? Faria o que? Seguiria o seu coração?

Comente com o Facebook:

18 comentários:

  1. Que lindo Daya, adorei a resenha e fiquei louca pra ler esse livro!! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bruna, pode ler que você não vai se arrepender!!
      beijos

      Excluir
  2. Gostei do tema! Acho muito legal quando as autoras ousam e debatem temas mais complexos relativos aos casais.

    Deu vontade de ler o luvro, de tanto que você elogiou!!rs

    ResponderExcluir
  3. Hummmm, triangulo amoroso??? Apesar de me estressar normalmente, sempre me deixa curiosa.
    E eu adoro estes livros que a gente primeiro larga achando que é uma coisa e depois quando pega de novo tem uma grande surpresa. Adorei. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Mirela, muito bom quando somos surpreendidas :)
      beijos

      Excluir
  4. Esses livros que deixam com raiva eu ja fico curiosa pra ler. Pq sou muito intensa e me sinto praticamente na história. Triângulos amorosos são sempre complicados
    Adorei a resenha, fiquei curiosa pra ler o livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rebeka,
      se você é curiosa, então vai gostar bastante!!!
      beijos

      Excluir
  5. parabens pela resenha, achei muito honesto vc dizer que nao curte o tema, porque pr amim foi bem complicado terminar, exatamente pelo mesmo motivo. Nao e porque exista que eu tenho que lidar com traição em livro, ja me basta as pessoas no nosso dia a dia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Karlinha, já bastam as traições diárias!!

      Excluir
  6. Questões existenciais em um romance? Adoro! Só pela pertinência das perguntas o livro parece valer a pena ser lido,muito bom.

    Como a Mari, deu vontade de ler o livro de tanto que você elogiou.

    Abraços,
    Alessandro Bruno
    http://www.rascunhocomcafe.com/2015/06/o-garoto-no-conves-uma-aventura-em-alto.html#.VYUtLvsl8nQ

    ResponderExcluir
  7. Daya nao devia ter lido isso hoje, nao posso ler nada antes de quinta porque tenho prova, e agora to doida pra ler esse livro! Culpa sua se eu nao aguentar hahaha... Parabéns pela resenha! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ohh Emille, rsrs
      Espera a prova e leia depois, você vai gostar bastante!!
      beijos e boa prova

      Excluir
  8. Affffff... Eu já comentei 3 vezes e meu comentário não vai!!! Espero que esse finalmente preste.
    Sobre esse livro... Eu acgo que irei sofrer com o marido dela... Me lembrou demais um que eu li e fiquei com uma raiva mortal da protagonista... Pq quando o marido é bom eu sofro demais... E essa historia de a mulher pensar... tenho vontade de matar... Kkkkk mas enfim... Como você indicou merece uma chance. Beija o amiga

    ResponderExcluir
  9. Meu comentário acima cortou uma parte não sei pq... Eu tinha dito assim: e essa história da mulher pensar: é mais forte do que eu... Aqueles olhos azuis... Eu fico hipnotizada... <- esses pensamentos que eu não consigo perdoar quando se tem o marido perfeito. Mas isso é um reflexo de outro livro. O seu vai valer a pena

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andreza, bem que achei estranho kkk a mulher pensar rsrs
      Eu fiquei com raiva, como disse na resenha, mas amei o livro, ainda bem que voltei com a leitura e indico!!!
      beijos

      Excluir
  10. Agora posso terminar de ler e comentar hahahaha. Obrigada mais uma vez pela dica valiosa, Day!!! Livro sensacional!!!
    Beijooo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, Cris é sensacional, uma ótima escritora.
      beijos

      Excluir